quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Aniversário



Hoje é o meu aniversário. Faço 23 anos e há 3 anos conheci (pessoalmente) o meu namorado e (se Deus quiser), o meu futuro marido. Pois bem, no que diz respeito a aniversários, as pérolas são incontáveis. Porém, uma, em especial, será relatada neste post.


No meu aniversário de 19 anos, uma amiga totalmente louca e sem noção me ligou à tarde, como sempre ligava, para jogar papo fora. A princípio, eu imaginei que se tratava de uma pegadinha do tipo "achou que eu ia esquecer, né!?!". Se fosse apenas isto...


Amiga: -"Fala Carol...blablablá....blablablá"
Eu: -"Aham...é...hahaha"
...2 horas depois...
Amiga: -"Tá bom, agora vou desligar porque preciso comprar pão para o lanche da tarde!"
Eu: -"Então tá, beijos, tchau!"
Amiga:-"Tchau".


Fiquei com cara de 'balde vazio' e com o celular na mão, imaginando se seria mesmo possível ela esquecer o meu aniversário, que era no mesmo DIA (27) que o dela, mas sete meses depois. Ela faz em março, e eu, 27 de outubro.


Lá para as 23h da noite, eu, inconformada, liguei pra ela:


Eu: -"Você esqueceu mesmo do meu aniversário?"
Amiga: -"Seu aniversário, ah para...é em novembro, não é?"
Eu: - "Não, é hoje!"
Amiga: - "Mentira! Para de palhaçada!! Não vou acreditar, você tá me zuando!"
Eu: - "Se não acredita, liga pra minha mãe!"


Dois minutos depois o celular da minha mãe toca:


Mãe: -"Oi, querida! Tudo bem! É verdade sim...hahaha...ela não estava brincando, o aniversário dela é hoje sim!"


 (...)


Eu: -"Alô?"
Amiga (CARA DE PAU): -"Parabéééns pra você, nesta data querida...êêêê"


Ainda tem gente que pergunta por que as amizades acabam tão fácil hoje em dia...

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Presente improvisado



Há pouco mais de um ano, fui convidada para o niver de uma menina que eu não simpatizava muito. Na semana anterior, uma das minhas primas tinha casado e eu fui à sua festa de casamento. 
Bem, decidi ir no niver da 'simpática' porque alguns amigos estariam lá e para manter as relações sociais. Como minha decisão foi de última hora, eu não comprei nenhum presente, e imaginando ser uma grande festa, eu não poderia aparecer lá sem o principal.


Procurei na casa todo alguma coisa que pudesse ser repassada (vergonha disso), alguma blusa a ser trocada na loja, calçado nunca usado - eu não tinha tempo para comprar nada. Na pressa, achei um porta-jóias que ganhei de lembrança de casamento da minha prima. Estava embrulhado e lindo, pronto para ser dado de presente.


E foi o que eu fiz...a 'simpática' adorou o presente!


A festa foi divertida, os comes e bebes estavam ótimos.


Até que no dia seguinte, eu abri um porta-jóias idêntico, também do casamento, que eu tinha guardado. 
Para a minha surpresa, encontrei uma etiqueta na parte interna, dizendo:


"Lembranças do Casamento de 
Fulano e Fulana
01/01/2009"

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Minha arte do buço


Confesso que não tenho buço! Juro que não....e sempre me senti excluída quando minhas amigas se juntavam para falar sobre. Eu tenho pelos em todas as partes, menos no 'bigodim'. As mulheres dizem que eu sou louca, e eu sinceramente acredito que sou, pois se eu tivesse buço, teria vergonha e tiraria. Cansei de ver minhas amiguinhas serem apelidadas de "Frida" na escola.

Pois bem, o fato de não tê-lo me fez, como uma criança, criar uma experiência um tanto 'arteira'. Enquanto eu escovava os dentes, ontem, encontrei no armário do banheiro um creme depilatório 'para o corpo', o que supus servir para todas as partes. Sem pensar duas vezes, passei o creme no lugar aonde eu deveria ter pelos para tirar, no buço. Dois minutos e meio depois...retirei! E adivinhem só....ardia, queimava e empolava. Somente depois de passar eu li no rótulo: "recomenda-se não passar no rosto, nem em regiões genitálias". (Ufa! ... ainda bem que eu passei no rosto...)

Fiquei com a marca de um cavanhaque vermelho. Me senti como se tivesse sido barbeada. Dormi torcendo que o vermelho saísse, pra eu trabalhar em paz no dia seguinte, sem ser eternamente zuada. Graças a Deus, acordei sem marcas e com um 'bumbum' de neném em torno da boca.

Agora eu entendo perfeitamente a expressão: "tem gente que reclama de barriga cheia". Ou de bigode vazio, tanto faz!

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Profissional com muito orgulho



De manhã enquanto eu caminhava até o ponto de ônibus para ir ao trabalho com o fone no ouvido escutando minhas musiquinhas preferidas, uma menina de mais ou menos 20 anos seguia andando atrás de mim, completamente desligada da realidade de que estava em público. Ela falava ao telefone em alto volume e com um vocabulário vulgar. Indignada com o 'chefe' do outro lado da linha, a tal gritava pra quem quisesse ouvir:


"Fulano, eu só to 'pedino' dois dias na semana, Fulano. Num to de 'galinhagi' não, eu só quero ter dinheiro pra pagar meu curso pra não depender de filho da puta nenhum ninguém, Fulano. Olha, se eu tivesse mil 'conto' eu pagava o curso sem pedir nada. Eu preciso 'dum diproma' pra eu conseguir emprego em um salão bom, arrumar umas 'crientes boa' e fazer minha vida. (...)"


Momento voltei a ouvir a música...agora voltei a prestar atenção nela... 


"(...) olha só, Fulano, você tá me saindo um chefe muito do filho da puta ruim, Fulano. Você é pior do que Alex (nome verídico, mas como eu não conheço...), porque Alex podia ser tudo, mas eu não dormia com ele. Agora você sabe comer aproveitar, mas não sabe dar valor. É foda péssimo ser sozinha no mundo (...) Puta Mulher de vida fácil é a sua mãe, Fulano. E quer saber, vai se fuder pastar você e o seu emprego. Enfia o seu emprego no Cadastro Único (CÚ)!"


E desligou!


Meninas, cuidado na hora de fazer o cabelo! Lembrem-se que a qualificação desta profissional foi conquistada com muita foda sacrifício! 

domingo, 15 de agosto de 2010

Como assim?



Por volta das 19h30, enquanto eu saía da Ideia S/A (éé, voltei \o/) e seguia rumo ao meu lar, morrendo de fome, doida pra comer algo de chocolate e cansada, quando ao atravessar uma rua uma senhora que aparentava seus 65 anos, muito bem cuidada, por sinal, ignorando totalmente o meu fone de ouvido começou a tagarelar sem parar:


"Vim do mercado...é a terceira vez que vou fazer xixi lá, os empregados até ficaram rindo quando voltei...é que eu vim fazer aquele exame que a gente bebe muita água, mais na hora eu estava com sede e bebi quase dois litros d'água de uma vez (isso é possível?)."


Em nome da educação, eu retirei um dos fones do ouvido para escutar o que ela dizia na esperança de que ela fosse atravessar a rua em breve, mas ela veio me acompanhando até o fim da rua.


"O médico disse que eu to com cálculo renal, mas se eu me cuidar, nem preciso operar. Mas aí você já viu, né?! Posso também estar diabética, o que seria o fim pra mim. Eu não consigo ficar longe de um docinho. E o pior é que com o remédio que eu to tomando, todos os dias eu tenho dor de barriga, fica uma coisa horrível, mole feito chocolate e fedido que nem eu aguento". (ECAA)


Eu precisava mesmo ouvir isso? Como assim?


Coloquei o fone de volta e apressei o passo, deixando a velha com cara de bunda e totalmente no vácuo. Fala sério, depois dessa nem quis mais comer chocolate e também não jantei!

terça-feira, 3 de agosto de 2010

E assim se foi o nosso dia de praia!


Ter o luxo de ir à praia em pleno inverno é um privilégio dos brasileiros, especificamente, dos cariocas! Então, na minha primeira semana de descanso e a última de férias da Bela, nós planejamos passar um dia inteiro fazendo nada na praia...olhando o pôr-do-sol e deitadas na areia fria. Mas isso não aconteceu...esse dia era hoje e como todos puderam ver, amanheceu nublado, com chuvas e quedas de temperatura. 

Agora só nos resta esperar o retorno do sol...e um dia de folga!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Já acabou



Dia 9 de julho...minha queria amiga Christie chegou da Bélgica e eu fiquei tão feliz por não estar trabalhando, porque assim eu iria grudar nela durante todo o tempo! Mas o inevitável aconteceu e eu comecei a trabalhar novamente! Fiquei feliz também, é óbvio! Ainda mais que é na Ideia S/A, um lugar maravilhoso de se trabalhar!


Mas isto não me impediu de grudar nela...e saímos muito, muito e muito! Na primeira semana eu engordei 2 kg...foi BemDito, Outback, Pier 31, Pizzarias (anônimas)...sem contar com as festinhas caseiras! Foi gastronomicamente e sentimentalmente maravilhoso! Mas...tudo o que é bom, acaba! :(


Na semana seguinte eu passei mal e perdi os 2 kg! Comi um bombom argentino que o meu namorado me deu e  que estava há duas semanas na minha bolsa....depois disso, não me lembro de ter comido mais nada!


Hoje(26/07), exatamente às 15h ela partiu juntamente com o seu namorado gringo, poliglota e super gente boa Sven (ou GPSven como ele disse), para a Bélgica! Deixando um enorme vazio em nosso meio...vazio este que será preenchido novamente em Setembro de 2011!!


Enquanto isso, só nos resta ficar na saudade...



sábado, 3 de julho de 2010

"Bumm"

Nossa, é sério que eu fiquei quase um mês sem postar nada aqui? Ok, então...lá vamos nós!
Estou, como disseram, com a 'pata ralada'. Já ouvi muitas piadinhas..."uma nova cratera foi aberta em Niterói/SG", "tentei virar bailarina de rua", "sou um pokemón manco", e tudo mais.

O fato é que, na quinta-feira quando eu estava saindo para o trabalho e quase chegando ao ponto de ônibus a minha sandália nada 'aderente' derrapou e eu caí de bunda no chão (com um dos pés pra trás). Na hora eu juro que nem senti dor, só via aquelas crianças fedorentas esperando o ônibus da gratuidade rirem de mim. E eu que sempre saio na maior pose todos os dias. Me fudi dei mal!! Fazer o que?! 

Não foi nada sério, só estou com o pé e um pedaço da perna ralados! ;)
Vou sobreviver (eu acho)!

Eu sou assim...

Tudo o que eu sempre quis era ser uma pessoa boa e confiável. Em muitos casos eu tive sucesso, em outros, nem tanto sucesso assim. Minha mãe sempre me disse que eu iria quebrar muito a cara por ser tão babaca ingênua! Eu não me considero ingênua, mas também não sou o tipo de pessoa que pega qualquer situação no ato, como muita gente faz.

Quem convive comigo sabe que um mínimo detalhe me faz muito feliz.... eu sou assim! Não preciso ter um carro do ano, ou morar no Leblon, não preciso ter todas as minhas roupas compradas em lojas de grife nem comer só em restaurantes caros. Eu sou assim! E ainda que eu tivesse dinheiro, o que não é o meu caso, eu não conseguiria ser feliz com estas coisas. Não, mesmo!

Há um tempo atrás eu reencontrei uma pessoa que fez parte do meu passado, um amigo antigo e que eu considerada uma pessoa maravilhosa. Consideração e amizade, talvez sejam os sentimentos que estavam adormecidos. Eu vivi a minha vida ao longo dos anos, mas sempre há um lugar na memória para os grandes amigos. Mas o que me chamou a atenção neste caso foram os caminhos distintos que levamos e como a minha amiga 'Branca de Neve' sempre diz, eu não estou acostumada com este tipo de pessoa. O tipo de pessoa no qual ele se transformou.

Não vou ser hipócrita e dizer que não gosto de luxo e conforto, mas o meu assunto nunca será somente dinheiro, bebidas e 'mulé'. E este reencontro me fez repensar (o que faço diariamente) o valor de quem eu tenho ao meu lado hoje. Sou ciumenta, sim. E o meu namorado também é. Temos defeitos e qualidades como qualquer um. E não somente ele, mas os amigos que tenho são tão especiais e bons pra conversar sobre qualquer coisa, como não posso dar valor a isso? Cada um em sua unidade e personalidade, uns longe e outros bem pertinho, uns parentes e outros não, uns sempre felizes outros vez ou outra, mau humorados. Nossa, como uma pessoa que tem tudo isso pode não ser feliz com coisas simples? Bem, eu sou! Sou assim e sou feliz!

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Plantão de Feriado


O blog tá tão abandonadinho...mas como não consigo esquece-lo, aqui estou! A última memória que tenho a lhes oferecer é a do Feriado de Corpus Christi! Não preciso nem dizer que adorei a escala do plantão, trabalhei na quinta e fiquei em casa de sexta até a segunda. Acordei cedo (ainda sim cheguei atrasada), percorri São Gonçalo, Niterói e Itaboraí, buscando origens e personagens para o simbolismo da data. 

Nem preciso dizer que paguei milhares de micos como chamar a 'Paróquia' de 'paródia', imensa vontade de perguntar ao secretário paroquial se ele faz sexo é casto, rir de menininhos coroinhas que falam feito viadinhos. Essas coisas... Juro que não é preconceito, mas os católicos têm um cheiro diferente, não é bom nem ruim, não sei explicar, é meio que cheiro de velho, ou qualquer coisa parecida.


Pensei o seguinte, já que to ferrada e trabalhando no feriado, pq não me divertir?? Então, zuei, comi e ri das coisas. Pelo menos ganhei uma página inteira SÓ MINHA!




Lembrando de um momento:


Eu: "-Gente, como se chama a professora da catequese?"
Pessoal do jornal: "-Catequista!"
Cidadã mais engraçada do jornal: "-Abatedora de criancinhas para o padre comer!"


Como ela mesmo diz: "Perco o amigo mas não perco a piada!!!" ;)

terça-feira, 25 de maio de 2010

Suporte Remoto




Terça-feira de folga, acordei e fui direto para o computador cumprir minhas demais obrigações. Como uma profissional multimídia, abri meus sites costumeiros de notícia e os programas de mensagens instantâneas (msn e gtalk), mas, adivinhem só? Nada abriu. Tentei todas as possibilidades disponibilizadas pelo meu PC, mas nada funcionou. 


Mas vocês não sabem a sorte que eu tenho, o meu namorado é técnico em informática. Tenho aqui um programa instalado e através dele, o meu técnico particular pode acessar o meu computador de onde estiver. Então, foi assim:


Namorado técnico: -"É vírus, e dos brabos!" 
Eu -"Sério? Como deve ter entrado? No mínimo foi o meu irmão!"
Namorado técnico-"Não sei, tá muito difícil!"


E ele futucava, abriu sistemas, pastas, programas...e nada do msn conectar! Por fim, ele decidiu baixar e instalar um programa que retira as 'pragas' do meu software. 


Namorado técnico:-"Programa baixado, tudo certo, agora é só reiniciar"


MENSAGEM: '01/01/2006 - Acerte a data e hora do seu computador' > Msn conectado!


Namorado técnico: -"Não acredito que era só mudar a data!"

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Carpe Diem


Não é incrível como o dia corre quando estamos trabalhando? E será assim sempre...
A maior parte da vida nós não perdemos dormindo, mas trabalhando. Se pararmos pra pensar, perdemos os nossos melhores momentos...o amanhecer, a soneca após o almoço, os momentos especiais de nossos filhos. O trabalho escraviza e no fim, o que ganhamos e o que perdemos? Ganhamos dinheiro e perdemos tempo. Mas como dizem, o tempo não é o bem mais precioso atualmente?

Não estou aqui protestando contra a burguesia e o proletariado, mas contra o povo que não sabe aproveitar cada minuto que a vida pode lhe proporcionar! Então, se tiver vontade, peça demissão, desça do ônibus no meio do caminho, passe a mão na bunda de alguém! Quebre o celular de alguém que escuta funk alto no ônibus!

Seus atos podem ser melhor aproveitados, desde que não magoe ninguém! Carpe Diem!!!! 

domingo, 16 de maio de 2010

Quem sou eu na noite capixaba? - o nosso lado B

Saí de casa num dia com o tempo estranho e completamente perdida! Eu nunca tinha viajado pra um lugar distante e sozinha, ainda mais que eu iria ficar hospedada na casa de alguém que eu só conhecia virtualmente. Bem, segui minha intuição e o meu coração e consultei o meu termômetro, que é o coração da minha mãe. Além disso, pedi a Deus uma direção...e a recebi! Voilá, Vitória!!!


Cheguei num dia lindo de sol, conheci a minha amiga Zuh, que agora, considero uma das melhores! Rodamos pela cidade, conheci alguns pontos turísticos, a rede Gazeta, que é a Globo de lá e a fábrica da Garoto. 

Descobri que:
  • Os sinais de lá tem um apito para os cegos se guiarem e saberem quando podem atravessar a rua;
  • A passagem de lá é R$ 2 e quem pega o ônibus no terminal NÃO PAGA passagem;
  • Os carros de lá param para os pedestres atravessarem a rua, independente de ter ou não faixa de pedestres;
  • A moqueca capixaba é a melhor;
  • Os trocadores de ônibus são gatos;
  • O que é um kieber;
  • Os taxistas de lá são descendentes de italiano e falam de Deus;
  • A areia da praia é mais escura e a água é extremamente mais quente;
  • Palavras como "pocar","gastura", "taruíra","rock"(baladas em geral);
  • Os gays nem sempre são 100% gays;
  • Os ambulantes de lá são multimídia: tocam, cantam, dançam, quem sabe até são jornalistas (sem diploma);
  • Cachaça não é água não;
  • Qual é a capital do tocantins;
  • Maria Mariana Daniel não existe só em novela mexicana;

Mas a coisa mais interessante que eu descobri foi o valor de verdadeiras amizades, que, mesmo instantâneas, marcam de forma intensa e com certeza, eterna. Conheci pessoas maravilhosas, que não te julgam pela aparência nem por sua classe social ou sotaque. São pessoas que te acolhem, que riem das suas piadas e choram quando você vai embora. São pessoas que doam seus sentimentos sem pedir nada em troca, e despertam em qualquer um que simplesmente conhece-las o quanto é importante e bonito ter um amigo de verdade.



No meu caso, eu fui uma sortuda, ganhei todos estes:
Zuh - que foi pra mim mais que uma amiga, uma irmã mais velha!
Kalou - minha xará mais gata do mundo!
Thalita - bazuquinha pegadora e mineirinha linda!
Patrick - o cabelo mais bonito e que ficou doidão lá na canga!  
Miguel - o indeciso mais decidido que já conheci!
Felipe - "OLOKO haha" mais amigo que o amigo da foto!

NÓS SOMOS TUDO NA NOITE CAPIXABA!!!!!!!!!!!

PS: Amo muito vocês!!!!

quarta-feira, 12 de maio de 2010

E lá vou eu!



É hoje que eu vou pra Vitória. Depois de algumas semanas de planejamento e de várias conversas engraçadas com a galera de toda a Região que também vai, hoje, finalmente, eu vou conhecer os meus coleguinhas. Há algum tempo que eu não tenho atualizado o blog, pois trabalho novo e os preparativos da viagem tomaram um pouco (todo) do meu tempo.


E daí que nunca voei de avião e que to com medo, principalmente pelo mal tempo!
E daí que vou ficar na casa da minha amiga que conheci pelo msn!
E daí que ainda não tenho a mínima idéia do que vou falar sobre o artigo!
E daí que fiz a doidera de comprar uma meia-calça beterraba e outra vermelha, e ainda nem sei se vou ter coragem de usar!


 ...mas conto tudo a vocês quando eu voltar!


Me desejem sorte??

terça-feira, 4 de maio de 2010

Meu país das maravilhas



Eu estava futucando as promoções disponíveis nos cinemas e encontrei uma que achei bem divertida: "Como seria o seu país das maravilhas ideal?". Era pra eu escrever uma frase e as 10 melhores ganhariam. Eu até tentei, mas são muitas as coisas que definiriam o meu país das maravilhas, então, vou listar por tópicos.



  1. As mulheres comeriam à vontade e não engordariam nem 1g;
  2. As mulheres receberiam flores e os homens, coleiras;
  3. Todos poderíamos ser loucos e os normais, seriam internados;
  4. Não existiriam doenças, conta corrente zerada nem cartão de crédito com limite;
  5. Pessoas que cantam mal seriam condenadas a não cantar nunca!
  6. Os funkeiros seriam perseguidos e extintos, exceto em ocasiões muito especiais;
  7. Pessoas bregas seriam isoladas;
  8. Os vestibulares seriam mais difíceis;
  9. Os habitantes se tele-transportariam;
  10. As janelas dos ônibus não existiriam;
  11. Somente mulheres poderiam dirigir;
  12. Depois de casar e ter filhos, todas as mulheres continuariam ou ficariam bem mais gostosas do que sempre foram;

Bem, foram apenas algumas sugestões...confesso que não pensei muito no assunto. Tudo veio na minha cabeça neste momento! Então, como seria o país das maravilhas ideal pra vocês?

PS: Ainda não consegui assistir o filme da Alice, que eu tanto quero...

segunda-feira, 3 de maio de 2010

Protesto!



É tão difícil assim me venderem uma passagem aérea quando eu mais preciso? Pra que as companhias disponibilizam a venda no site se SÓ aceitam cartão de crédito! Eu não tenho mais cartão de crédito! Eu me descontrolo! Estou revoltada, eu não quero parcelar, não quero demorar meses pagando uma viagem! Mas simplesmente não posso comprar com a porcaria do cartão de débito!


Mas que coisa mongol, fala sério! Estou completamente revoltada...e o engraçado é, para Buenos Aires talvez eu conseguisse....algo bem mais caro e a longo prazo! Mas enfim, foi só um mini desabafo!

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Não to acostumada com isso...


Chefes legais? Uma, duas páginas de exclusividade por dia, ainda que sejam matérias frias?! Fui obrigada a roubar as palavras da Raquel, "não to acostumada com isso não!". E confesso que subestimei tudo isso aqui...
A estrutura do jornal é excelente, estamos ocupando um espaço que estava vazio na cidade e finalmente, poderemos ajudar os anônimos 'mudos' de todos os bairros que agora poderão falar...


Além de reconhecimento profissional, ainda temos a liberdade de escolher as pautas (pelo menos por enquanto). E eu nem fiquei triste de ir pra casa cheia de lama na calça que roubei-emprestada da minha mãe e no meu tênis branquinho...


O que posso dizer...simplesmente amo a minha profissão!

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Ideia S/A


O que é? Não é simplesmente uma agência de mídias sociais, não é simplesmente um lugar onde as pessoas te acolhem e te tratam tão bem que você até estranha! Não é somente um lugar aonde você pode ficar o dia todo no orkut e no twitter, e que ninguém te pressiona para fazer o seu trabalho. Acreditem, essa é a melhor estratégia deles, pois eles têm resultados como em nenhum outro lugar.

A Ideia foi o melhor lugar que eu trabalhei até hoje. E olha que já passei pelo banco Bradesco, já fui telemarketing, digitadora, vendedora, secretária, recepcionista, estagiária de jornalismo, e outras coisas que nem lembro. Mas, de todos eles, trabalhar na Ideia foi a melhor experiência no que diz respeito à satisfação.

Em um dia eu fui dormir achando que acordaria e que trabalharia como todos os dias, mas tudo mudou! E em menos de um dia, eu mudei de trabalho. Agora sou repórter do jornal 'O Itaboraí'. E a busca pela satisfação profissional continua a cada dia, e se satisfaz na mesma velocidade. Mas se a situação tivesse um balanço, o lado negativo seria...antes eu levava 20 minutos pra chegar ao trabalho, agora, levo uma hora e meia.

Já sinto saudades de todos e vou lembrar desses maravilhosos três meses pra sempre!

terça-feira, 20 de abril de 2010

E a culpa é do cara...



DUAS AMIGAS CONVERSANDO:


- Oi, me conta como foi o encontro de ontem à noite.
- Horrível,não sei o que aconteceu...
- Mas por quê? Não te deu nem um beijo?
- Sim. Beijar, me beijou. Mas me beijou tão forte que meu dente postiço da frente caiu e as lentes de contato verdes saltaram dos meus olhos....
- Não me diga que terminou por aí.
- Não, claro. Depois pegou no meu rosto entre suas mãos, até que tive que pedir que não o fizesse mais, porque estava achatando o botox
e me mordia o lábio como se fossem de plástico... Ia explodir o meu implante de colágeno e quase sai o mega hair!!! 
- E... Não tentou mais nada?
- Sim começou a acariciar minhas pernas e eu o detive, porque lembrei que não tive tempo de me depilar. E além do mais, me arrebatou com uma luxúria e estava me abraçando tão forte que quase ficou com minhas próteses da bunda em suas mãos e estourou meu silicone do peito.... 
- E depois, que aconteceu?
- Aí então, começou a tomar champanhe em meu sapato....
- Que romântico...!!!
- Romântico o cacete! Ele quase morreu!!! 
-Ai não!!!! E por quê?
- Engoliu meu corretor de joanete com a palmilha do salto.. 
- Nossa, que ele fez depois?
- Você acredita que ele broxou e foi embora? 
- Acho que ele é viado.
- Só pode! 


Luiz Fernando Veríssimo


Enviado por e-mail!

segunda-feira, 19 de abril de 2010

O morro dos ventos uivantes ou o vento dos morros uivantes



Namorado: - "Amor, quer que eu baixe algum filme bom pra gente assistir na véspera do feriado?"
Eu: - "Sim, quero dois. Pode ser?"
Namorado: - "Sim, quais?"
Eu: - "Hum...eu quero 'O diário de uma paixão', o título em inglês é 'The notebook'."
Namorado: - "E o outro?"
Eu: - "O morro dos ventos uivantes?"
Namorado: - "Quê? Tá de sacanagem?"
Eu: - "Não, por que?"
Namorado: - "Daqui a pouco você vai querer tomates verdes fritos..."

Eu: - "Eu achei muitos filmes velhos, são muitos morros aonde os ventos uivam... mas o que eu quero não tá aqui..."


Conclusão: fiquei sem filme, porque não está disponível para baixar!