segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Nada como a vaga perfeita!



Certa vez, fui a uma entrevista de emprego em Botafogo. De cara eu gostei da empresa e das condições que ela oferecia. O salário era bom também, porém, o horário era um pouco pesado (8h às 19h).Mas isso não era problema, eu queria era trabalhar e ralar como uma jornalista digna. 
Então, me deparei com uma sala cheia de candidatos que, sinceramente, a princípio, não me intimidaram.
Primeira etapa: "Façam uma redação sobre as Olimpíadas de 2016 no Brasil". Ótimo! Mamão com açúcar.



Segunda e última etapa: entrevista COLETIVA em inglês. Bem, eu sei os conhecimentos que tenho, basta me deixar uma hora em frente ao administrativo de um site jornalístico, ou me dar um tema para produzir um texto. Com certeza verão o meu potencial...

Estar rodeada por pessoas de todos os tipos que tagarelam seus conhecimentos e sorrateiramente tentam desbancar a 'defesa' dos demais candidatos desperta em mim um espírito competitivo que, de certa forma, me causa uma sensação gostosa.  


Desbancar todos os candidatos viajados e pós-graduados falando inglês e francês na entrevista não tem preço. Mas vejam bem, isso não aconteceu realmente. E por que??


A Vaga era para DESIGNER GRÁFICO!!!

3 comentários:

Luana Soares disse...

hahahaha
tive q rir cm essa!

Rafaella disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rafaella disse...

Olha que o seu inglês é ótimo!
"Me chamou de Fat" =x
AUHuAHuHAUhUHA