terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Presença de Anita


Sem dúvida, a melhor minissérie brasileira que eu já vi foi 'Presença de Anita'. Na época que passou, eu deveria ter uns 13 anos e algumas pessoas até diziam que a Mel Lisboa parecia comigo (coisa que eu discordava plenamente). Mas...na época, devido às cenas picantes, meus pais me proibiram de assistir. 


Assim que acabaram as aulas na faculdade, eu decidi assistir toda a minissérie pelo youtube. Me botei no papel do escritor...como ele sabe dramatizar uma história 'simples' e transforma-la em algo fascinante. E no da atriz/personagem: ela é simplesmente maravilhosa. A cada capítulo que eu assistia, eu entendia a fundo a personagem, nada relacionado ao ser depravado que ela é, mas às doideras em que todos nós temos um pouco. 


O desespero e as loucuras cometidas pela 'menina' pela paixão me levaram a enxerga-la como uma mulher desesperada, cheia de sonhos e completamente iludida por eles. Alguém que não suportaria viver sem ter a pessoa que ama, ainda que o fim lhe conduzisse à morte, este seria recebido com todo o prazer.


Tá certo, a história viaja um pouco e tem até alma penada....mas que é profunda e linda, ah, é sim!!!


PS: Fiquei cantando e traduzindo "Ne me quitte pas" milhões de vezes até conseguir cantar com a pronúncia perfeita. E isso ainda não aconteceu...

0 comentários: