sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Perfume francês 'Le gambet'



Nada melhor para começar o dia do que um banho bem gostoso e gelado, ainda mais neste calorão. Pois é, hoje eu acordei assim, animada, por ser sexta-feira, o fim de semana estar começando e o principal, por não estar chovendo. 


Então, eu decidi me arrumar um pouco melhor do que os dias normais. Peguei o ônibus no mesmo horário de sempre, com sol e muitas, mas muitas pessoas. Até aí, eu nem ligo mais...já me acostumei. Porém, hoje teve uma excessão.


Estava eu, sentadinha, quando uma senhora (não muito velha), encostou no meu banco. Podem me chamar de ruim, mas eu fingi que estava dormindo pra não dar o lugar. E quem nunca fez isso na vida, que atire a primeira pedra! Mas como nada fica impune, Deus me castigou...


A senhora sentou um pouco mais a frente, e no lugar dela ficou um homem, bem peão, do estilo operário. Levantou o braço para se segurar no ferro e...foi o golpe de misericórdia. Creedoo, parecia que tinha um bicho morto em baixo do braço dele. E logo hoje que até me inspirei e usei o perfume francês (Eau de toilette) que Christie me deu de presente. Tortura demais...

Quando desci do ônibus, ainda fiquei me cheirando pra ver se os aromas não tinham se mosturado. O meu 'Be Givenchy' com o "Le Gambet" (o gambá) dele. 



Lição aprendida: Nunca mais fingir que estou dormindo pra não dar lugar para os velhinhos. 





1 comentários:

Luma Beatriz Peril disse...

kkkk, Caorl, tu só se mete em furada!