quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Minha arte do buço


Confesso que não tenho buço! Juro que não....e sempre me senti excluída quando minhas amigas se juntavam para falar sobre. Eu tenho pelos em todas as partes, menos no 'bigodim'. As mulheres dizem que eu sou louca, e eu sinceramente acredito que sou, pois se eu tivesse buço, teria vergonha e tiraria. Cansei de ver minhas amiguinhas serem apelidadas de "Frida" na escola.

Pois bem, o fato de não tê-lo me fez, como uma criança, criar uma experiência um tanto 'arteira'. Enquanto eu escovava os dentes, ontem, encontrei no armário do banheiro um creme depilatório 'para o corpo', o que supus servir para todas as partes. Sem pensar duas vezes, passei o creme no lugar aonde eu deveria ter pelos para tirar, no buço. Dois minutos e meio depois...retirei! E adivinhem só....ardia, queimava e empolava. Somente depois de passar eu li no rótulo: "recomenda-se não passar no rosto, nem em regiões genitálias". (Ufa! ... ainda bem que eu passei no rosto...)

Fiquei com a marca de um cavanhaque vermelho. Me senti como se tivesse sido barbeada. Dormi torcendo que o vermelho saísse, pra eu trabalhar em paz no dia seguinte, sem ser eternamente zuada. Graças a Deus, acordei sem marcas e com um 'bumbum' de neném em torno da boca.

Agora eu entendo perfeitamente a expressão: "tem gente que reclama de barriga cheia". Ou de bigode vazio, tanto faz!

1 comentários:

Nadia disse...

Huahuahuahuau - Vai fazer sessão de laser para deixar o buço dentro da "normalidade" para voce ver como é.